Economia é palavra de ordem em Tubos de Alumínio

  1. aluminio refrigeracao Tubo hyspex blog

O perfil alumínio representa a evolução em termos de materiais para aplicações industriais. Nesse contexto, os tubos de aluminio se encaixam perfeitamente nos mais variados usos.

 

Entre as áreas em que esses itens vêm ganhando mais espaço se destaca a refrigeração. Para reduzir os custos, o uso de tubos de aluminio, em substituição aos de cobre, cresce a cada dia. Isso é explicado ao fazermos uma comparação, em valores aproximados: o aluminio gera uma economia de 60% em relação ao cobre.

Além da questão de custos, o aluminio tem a leveza como um de seus maiores trunfos. Esse metal tem cerca de 30% do peso do cobre.

Os tubos aluminio podem ser usados sem restrições no mercado de refrigeração. Apenas alguns cuidados básicos devem ser tomados, em seu manuseio:

– Evitar o contato de poeira de cobre, depositado em ferramentas, por exemplo, com tubos de aluminio. Isso pode gerar furos e danificar o material;

– Manter o tubo aluminio longe do contato com aço ou latão. Onde existe esse tipo de atrito, como em porcas e emendas, pode ocorrer corrosão galvânica, quando existe a presença de ar atmosférico;

– Isolar, com fita, PVC ou tinta, as áreas de junção entre peças de fixação dos tubos de aluminio e demais itens dos sistemas de refrigeração.

 

Um tubo de aluminio anodizado pode ser perfeitamente soldado, utilizando soldas frias (produtos modernos que secam em até 5 minutos) ou soldas com maçarico (usa varetas de solda não corrosivas, em técnicas que você encontra em pesquisas na internet). A durabilidade da instalação é alta, pois garante estanqueidade e resistência mecânica.

Presente em larga escala na indústria de refrigeradores, os tubos em aluminio estão nas resistências, evaporadores e em demais componentes importantes desses equipamentos.

 

Além dessas aplicações, o alumínio ainda pode ser usado em sistemas de climatização, prediais ou automotivos.

Posted in:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *